ASSIM SONHEI

 

ASSIM SONHEI
Marcial Salaverry

Ao seu lado, despertei...
Sua presença marcante notei,
seu corpo suave toquei,
sonhei feliz, e de meu sonho acordei,
tendo de seus carinhos a doçura,
sentindo um suave torpor...
Tendo de sua presença a ventura,
trazendo-me este imenso amor...
Sentindo suas caricias encantadas
dominando meu pensamento...
Em meu sonho não existia o futuro,
uma luz iluminava o escuro...
Viajei no tempo lindo e sempre presente,
mostrando a necessidade premente,
deste amor sincero e puro...
Só consegui sentir o desejo fremente,
de nos amarmos terna e eternamente,
nesta sensação deslumbrante,
esquecendo passados lamentos,
e levando o amor sempre adiante,
liberando todos nossos sentimentos,
extraindo do amor a felicidade,
na tranquilidade de que o amor é capaz...
E no descanso imaginei que de verdade,
não sentiria mais saudade...
Tinha descoberto as delícias que a ilusão traz.
Sonhos... realidade... coisas que só o amor faz...
 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados