VASSOURAS... UM MERGULHO NO PASSADO

 

Visitar a cidade de Vassouras, é realmente dar um
mergulho no passado, e faz muito bem para a alma...
De vez em quando é bom relembrar esta viagem
feita em 15/10/2002...
Osculos e amplexos,
Marcial
Texto escrito em 23/10/2002

VASSOURAS... Um mergulho no passado
Marcial Salaverry
Viajar sempre é bom. Viajar para aprimorar a cultura, além de um belo e merecido repouso, melhor ainda. E, se além de tudo isso, ainda curtir um local onde o Amigão exagerou quando fez a divisão das belezas naturais, fica um passeio inesquecível. Tudo isso encontrei neste passeio às serras fluminenses.
Procurei contar alguma coisa neste poema, algo sobre Vassouras... um local que não será varrido da memória.
"Viveu glórias no passado,
ainda hoje cultivado...
Seu Patrimônio Histórico tombado,
cuidadosamente conservado...
A História preservada,
jamais será olvidada...
Ocupou importante lugar na História,
e hoje conta sua história...
Casarões... seu calçamento, parte da glória,
jamais se apagarão da memória...
Vassouras... da memória jamais será varrida...
Sua História, nunca será esquecida.
Suas palmeiras imperiais,
árvores colossais,
atestam a grandiosidade,
que é um dos orgulhos da cidade...
Árvores que tem sua história...
Monumentos de dias de glória...
Seus museus muito bem cuidados...
Documentando fatos históricos testemunhados.
Casa da Hera,
mostrando como a vida era...
Eufrásia e seus amores...
Dando do amor as cores,
que deixaram quase maluco
até a Joaquim Nabuco...
Por suas ruas passear,
é no passado mergulhar...
E o orgulho do presente...
Em suas escolas, não há criança ausente...
Índice zero em analfabetismo,
mostrando a atenção
dedicada à educação...
Vassouras... sua história não pode ser esquecida...
Da memória, não pode ser varrida.
Marcial Salaverry".
Um pouco da história e da importância que Vassouras representou na História:
Era ponto de parada e reabastecimento para os tropeiros que faziam o transporte do ouro das Minas Gerais para o Rio de Janeiro.
Quando o Ciclo do Ouro entrou em declínio, começou o Ciclo do Café, que trouxe grandes fortunas para a região. Construíram-se luxuosos palacetes nas fazendas e na cidade.  Com o fim da escravidão, acabou o ciclo do café. Os fazendeiros não dispunham mais dos escravos para avalizar seus débitos com os bancos, que principiaram a ser executados.  As fazendas começaram a ser compradas pela burguesia mineira, que as transformaram para a criação de gado leiteiro e produção agrícola.
Ficaram as sedes das fazendas, palacetes, praças, palmeiras, e as famosas ruas de "pé de moleque".
Vassouras... recomendo a visita... realmente, vale a pena.
Sem varrer essas lembranças, desejo a todos UM LINDO DIA.
"Vassouras... tem na sua história,
um lugar especial na História...
é essa sua maior glória...
 
Marcial Salaverry"

 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados