A INDESMENTÍVEL SINCERIDADE DO OHAR

 

A indesmentível sinceridade do olhar, quase sempre funciona,
pois um olhar sincero sempre expressa a verdade da alma...
Com o olhar, mostramos se a alma está sorrindo ou não...
Principalmente, quando só podemos sorrir com o olhar...
Osculos e amplexos,
Marcial

A INDESMENTÍVEL SINCERIDADE DO OLHAR                                           
Marcial Salaverry
 
É fácil perceber que um olhar sincero, franco, sempre expressa a verdade que a alma quer dizer, e realmente existe algo de mágico com nosso olhar, que sempre, ou quase sempre revela o que vai em nossa alma, mostrando nossos reais sentimentos, principalmente quando escondemos a boca, é apenas com o olhar que podemos sorrir...
Sem qualquer sombra de dúvida, o olhar é o que realmente revela o que se passa em nosso interior, uma vez que é quase impossível conseguir mentir com o famoso "olho no olho", principalmente em questões de amor. O olhar sempre revelará nossa emoção interior, e por mais que a boca fale algo, o olhar revela o que alma está pedindo.
Quando quisermos descobrir uma verdade, é importante conversar "ao vivo e a cores", principalmente em questões do coração, quando realmente é preciso olhar-se bem dentro dos olhos, uma vez que é verdade que podemos com muita facilidade fazer declarações de amor por correspondência, mesmo que não estejamos apaixonados, pois a escrita não revela a emoção interior,  e assim, podemos igualmente dizer que desprezamos a quem amamos. Pela escrita não dá para perceber se estamos ou não mentindo, mas no olhar  é quase impossível esconder a realidade do sentimento.
Da mesma maneira pelo telefone, a voz, às vezes trai uma emoção,  mas não é difícil controlar-se o sentimento, disfarçando a voz, e assim, podemos fazer juras de amor ou declarações de raiva com sentimentos opostos ao que dizemos. É mais difícil, porque a voz também costuma trair emoções. Mas é mais fácil do que enfrentar um olhar direto. Quantas vezes falamos friamente com quem amamos, em momentos de raiva... É mais difícil disfarçar a voz, mas conseguimos faze-lo, contudo, o olhar é "indesmentível", e é praticamente impossível, olhar uma pessoa bem nos olhos e conseguir fingir algum sentimento diferente daquele que nos vai na alma. Sempre somos traídos pela força do olhar. Sempre se disse que "os olhos são o espelho d'alma" e essa é uma grande verdade...
Assistindo filmes, novelas ou peças de teatro, podemos ver que são poucos os artistas que conseguem transmitir as emoções de seus personagens para o olhar. Conseguem dar a entonação de voz necessária para sua representação, mas não "falam" com os olhos.
Por vezes encontramos pessoas que baixam o olhar ao falar, pode ser por timidez, mas também pode ser   por falsidade. Quando nada devemos, porque não sustentar o olhar? Por que desviar os olhos?  Poderá ser por timidez excessiva, e os tímidos realmente não conseguem encarar o interlocutor. É sua natureza interior, e não é fácil controlar a timidez. Mas ela é facilmente detectável também pela voz, pelo embaraço, pelo gestual das mãos, mas também pode ser falsidade, e a pessoa que está mentindo, dificilmente encara o interlocutor nos olhos. Realmente não é fácil sustentar a mentira diante de um olhar franco. Tem que ser muito artista para tanto. O olho no olho é um dos melhores detetores de mentira que existe.
Por essa razão, para os que se amam, é muito importante quedar-se de mãos dadas, olhando-se nos olhos, "sentindo" as reais emoções. O cruzar de olhares apaixonados, parece soltar faiscas. E é muito lindo poder dizer EU TE AMO, olhando bem dentro dos olhos um do outro.
Mas existem outros tipos de olhar. Os políticos, por exemplo, geralmente quando falam com alguém, mantém o olhar "passeando" pelo ambiente, não encaram o "adversário", principalmente se o assunto é sério. Experimentem prestar atenção e reparem. Eles se justificam dizendo que estão atentos a tudo. A realidade contudo, é bem outra. Sempre estão iludindo a alguém, fugindo da verdade que lhe vai n'alma, e que nem sempre interessa expressar...
Testem a força do olhar no espelho. Olhando fixamente, digam primeiro uma verdade e depois uma mentira, podem reparar que o olhar muda de expressão.  Existe também a sinceridade no escrever. Quando estamos "soltando a alma", escrevendo o que nos vai dentro do espírito, as palavras fluem soltas, leves, fáceis, e o texto, pode-se dizer que é mais "honesto" pois retrata o real pensar do escritor, contudo, quando o tema exige como que uma "representação", quando não é aquilo que pensamos, a coisa sai mais difícil. As idéias custam a aparecer, e quem for escritor, poderá confirmar o que digo.
Essa é a "força do olhar escrito", através da qual, desejo-lhes UM LINDO DIA, expressando a sinceridade deste desejo...

 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados