AH! MINHA MÃE

 

AH! MINHA MÃE
Marcial Salaverry

De coração cada bronca agradeço,
pois só o fazes quando mereço...
Fizestes do amor o caminho,
para encher-me de carinho...
Sempre com seus cuidados,
e seus beijos apaixonados...
Mãe, doce palavra, que chega n'alma,
e que sempre na dor, nos acalma...
Mãe quero apenas te abraçar,
e todo meu amor lhe dedicar...
Desculpas venho lhe pedir,
pelas vezes que te fiz se afligir...
Mãe... Por que não te disse mais vezes?
Mãe... Perdoe-me agora... tá?

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados