CANTO DE AMOR

 

 



CANTO DE AMOR
Marcial Salaverry
 
Tua voz é so doçura,
um encanto de ternura...
Embora  cante de tristeza,
tem uma estranha beleza...
É um  canto  de candura,
dando à alma uma doce ventura...
É um  canto de sentimento,
que nos traz um doce lamento...
Acordes tão suaves,
como o piar das aves...
Qual doce sinfonia,
as notas seguem em harmonia...
Admiramos a infindável beleza.
desta nossa  linda natureza...
Ouça meu cantar,
que vem meu cansaço aliviar...
Na alegria deste momento,
acaba todo meu tormento...
Não poderemos perder os compassos,
para sempre acertar nossos passos
desviando os sofrimentos,
para acabar com nossos lamentos,
na candura deste amor,
que nos trouxe doçura e calor...

 

 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados