DOIDA SAUDADE FELIZ

 

DOIDA SAUDADE FELIZ
Marcial Salaverry

Saudade feliz, como poderá
uma saudade ser feliz?
e aquele que o diz,
como realmente pensará?
Momentos de imenso prazer,
vividos com grande felicidade,
recordando, quando bate a saudade,
queremos com eles viver...
Daquele beijo colado, queremos lembrar..
Bate uma doída saudade,
mas também uma doida felicidade,
pois é um momento que não pode se apagar...
Daquela presença sempre amada,
uma lembrança querida,
que pelo resto da vida,
será sempre relembrada...
Vive-se de uma recordação,
uma doída saudade,
que é uma doida felicidade,
e revigora sempre o coração.
Saudade feliz, gostosa, doce saudade
daquele amor intensamente vivido,
junto a alguém muito querido,
sempre trará felicidade...
Saudade é aquele sentimento,
quase um lamento,
que não chega a ser um tormento,
que sentimos por quem temos no pensamento.

 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados