NUNCA PODEMOS DESISTIR DA VIDA

 

 

Enquanto tivermos vida em nosso interior,
sempre poderemos tentar mudar alguma coisa...
Desistir é aceitar passivamente uma derrota...
Osculos e amplexos,marcial

NUNCA PODEMOS DESISTIR DA VIDA
Marcial Salaverry
 
A vida é o que de melhor temos, e justamente por isso, temos que ter dentro de nós uma boa dose de amor pela vida, e assim, não podemos desistir ante os primeiros revezes que sofremos.
Jamais poderemos dizer que não temos mais recursos, nem que nossa batalha está perdida, antes de esgotarmos todos os recursos para tentar reverter a situação.
A grande verdade é que desistir, será assimilar a derrota, que só pode ser aceita quando realmente chegarmos à conclusão de que nada mais se pode fazer, pois absolutamente tudo foi tentado para contornar a situação.
Contudo, algo que nunca poderemos perder, é a fé na vida, e, claro, a fé em Deus, e então, poderemos tentar novamente, talvez de outra maneira, mas poderemos tentar outra vez, e enquanto houver esperança no coração, sempre algo se poderá tentar.
Podemos considerar que os obstáculos que ainda existem são como que uma ponte que precisa ser atravessada, e como ainda temos nossos pés, poderemos atravessá-la com certeza.
Se ainda respiramos, é sinal de que a vida ainda não acabou, e assim, sempre algo poderá ser feito. Desistir? Por que? Procuremos nosso destino, mudá-lo se for necessário.
E se nada acabou, sempre existirá algo para ser feito, e podemos pelo menos tentar, eis que desistir é para os fracos. Sigamos o exemplo do rio que, apesar de todos obstáculos que encontra em seu caminho, sempre vai em frente, sempre buscando seu destino, que é o mar, e precisamos saber encontrar nosso mar.
Se o corpo parar, talvez a alma queira prosseguir, queira ir em busca do que existe lá frente, gente vivendo, gente que não para...
O mais importante é levantar a cabeça, afastando os pensamentos derrotistas, e assim, desejando com força, vamos insistir e nunca desistir.
Vamos tentar, nem que seja a última coisa a ser feita, e sacudir a inércia, pois nada está definitivamente perdido. Enquanto vida houver dentro do peito, vida teremos para viver. Vamos procurar vencer, mesmo que seja a última batalha.
E quando nada, realmente nada puder ser feito, pelo menos poderemos dizer, com o coração cheio de orgulho: "tentei até o fim."
E principalmente, nunca poderemos nos esquecer de que temos amigos que nunca nos abandonarão, e estarão sempre nos desejando UM LINDO DIA.


 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados