ANALISANDO A REALIDADE DA VIDA

 

 

A grande realidade da vida, é que precisamos
saber vive-la, para bem a desfrutarmos...
Osculos e amplexos,
Marcial



ANALISANDO A REALIDADE DA VIDA
Marcial Salaverry

Entender a  real realidade da vida, parece ser uma coisa muito difícil para se conseguir, pois o que a determina,  é aquele enfoque que cada um dá para a vida, e que define como pensa e deseja viver.
Na verdade, a realidade da vida do marginal, não é a mesma realidade do policial, e menos ainda a realidade do cidadão comum, que no final das contas, acaba sempre sofrendo com as duas realidades alheias. O que é realidade  para o promotor, não o será para o advogado de defesa, e assim por diante, sempre haverá algum ponto de vista divergindo de outro.
Todos nós, temos nossos sonhos, nossos desejos, e que nem sempre se tornam reais, mas para nós, continuarão a ser "realidade", até deles desistirmos, quando poderemos ou não lamentar o tempo perdido em quimeras vãs. Na verdade, nunca devemos lamentar o tempo que passou, tenhamos ou não obtido sucesso, pois sempre servirá para evitar erros futuros. Tudo o que passarmos pela vida, com êxito ou não, sempre deverá ser visto como  experiências válidas.
Assim se vive, procurando enquadrar-se dentro das exigências da vida, evitando remar contra a maré, pois exigirá sempre um esforço a mais. Devemos procurar adequar nossas necessidades e nossos objetivos à realidade que a vida nos apresenta.
Nosso amigo L'Inconnu brindou-nos com uma frase inspiratória...
"Assim se sabe viver... Se a realidade não é aquilo que sonhamos, temos que sonhar de maneira a que nossos sonhos possam ter o gosto da realidade que desejamos..."
Perfeitamente enquadrado dentro da realidade, digamos, real, pois se constatarmos que nossos sonhos estão muito fora de propósito, e não desejamos abrir mão deles, precisamos ao menos saber encaixá-los dentro das possibilidades.  Como exemplo posso citar um amigo que mora no interior do estado de São Paulo, e sonhava curtir as praias do Caribe. Como essa viagem estava fora de sua realidade econômica, optou por curtir as praias de Santos... Pode não ser a mesma coisa, mas não deixa de ser praia. Não tem o mesmo charme do Caribe, mas ele teve suas férias tomando banho de mar. Poluído ou não, é igualmente salgado, e quem pode garantir que as praias de lá não sejam até mais poluídas do que as nossas?
Tal definição pode se aplicar a todas as situações da vida, pois o real segredo do bem viver, não é desejarmos o que está fora de nossas possibilidades, e nos desesperarmos quando chegamos a tal constatação, mas sim, adequar-nos àquilo que realmente está a nosso alcance, para pelo menos tomar um fôlego, e tentar novamente encaixar nossos sonhos dentro de uma nova realidade.
Realmente é lindo demais quando conseguimos finalmente realizar aquele sonho, principalmente quando olhamos para trás e o vemos bem solidificado, conseguido com nosso esforço, com nossa força de vontade. Chegamos lá após muitos contratempos, superando muitos problemas, mostrando que realmente merecemos ganhar esse premio do Amigão.
É bom demais, principalmente se conseguimos essa realização sem prejudicar ninguém, apenas como fruto de nosso esforço, e melhor ainda se tivemos ajuda de pessoas amigas, que apenas o fizeram por amizade, por nos acreditar merecedores de seu apoio. É gratificante demais chegar a tal constatação, quando vemos que a vitória é também um pouco deles, e quando vemos sua alegria quando os abraçarmos agradecendo.
Assim, envio meu melhor abraço "agradecimental" a todos que colaboraram para a realização de um certo sonho, e desejo de coração a todos, indistintamente, UM LINDO DIA.

"Lágrimas de felicidade,
são lágrimas de verdade,
mesmo que de saudade..."
Marcial Salaverry

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados