O RETRATO DO ELEITOR BRASILEIRO

 


O RETRATO DO ELEITOR BRASILEIRO
Marcial Salaverry

A cada eleição que passa,
mais a coisa se embaraça...
Acontece que o povo gosta de facilidades,
pra satisfazer suas necessidades...
Acredita em qualquer promessa,
e isso político faz a bessa...
Por uma camiseta,
faz qualquer falseta...
Por uma dentadura,
entra na linha dura...
E assim vai votando a esmo,
elegendo os piores mesmo...
Esse é o retrato do povo,
que pra variar, errou de novo...
Marcial Salaverry

 
Bem crianças, as eleições estão aí. E, convenhamos é necessário que o poema acima seja desmentido, e espero que o seja.
Para tanto, basta que o eleitor aprenda a usar com bom senso a consciência política, procurando analisar o currículo apresentado pelos candidatos, procurando votar naqueles que, ou já tenham feito algo em benefício do povo (em benefício próprio, todos já fizeram bastante), ou que apresentem um histórico que possa dar embasamento às propostas que apresentar.
Devemos procurar candidatos que, dentro de sua vida profissional,  já tenham feito algo em benefício da saúde pública, da Natureza, de algum segmento da população, que possam, enfim,  mostrar alguma competência no trato público.
Devemos procurar candidatos de reputação ilibada, sobre cuja moral não possa pairar quaisquer dúvidas. Que não tenham participado de qualquer negociata. Que jamais tenham buscado favorecimento em causa própria, ou de parentes e amigos, em prejuízo do atendimento à população.  Enfim, candidatos dos quais nada se possa falar em desabono. E fica a dúvida:SERÁ QUE EXISTE ALGUM?
Há que se acreditar em milagres...
Convenhamos que não é fácil encontrar nomes assim, mas sempre poderemos tentar achar. São tantas histórias ocorridas, que acabamos por perder a fé nas promessas que sempre fazem.  Ao invés de nelas acreditar, vamos procurar sentir sua viabilidade.
Vamos procurar usar o bom senso. Vamos examinar a ficha corrida dos candidatos escolhidos, para desmentir o poema. Examinar seu passado, para ver o que já fez. Se cometeu algum crime, ou coisa parecida.
Deputados estaduais, federais, senadores, governadores, e, obviamente o presidente,  não devem apenas se valer de seus cargos para enriquecimento ilícito, e para beneficiar parentes e amigos mais chegados, esquecendo-se de suas obrigações para com  o povo que o elegeu.
Deveriam apenas se lembrar que são representantes do povo, e que deveriam procurar estudar projetos para melhorar as condições de seus eleitores... Mas todos sabemos que não é o que acontece...
Cuidado com os candidatos que se apresentam... Antes de votar, veja o que já fizeram, que projetos apresentaram, qual segmento da população beneficiaram.
Vamos então, desta vez usar a Consciência Política, e desmentir o poema... Vamos mostrar para o autor que não é esse o Retrato do Eleitor...
Quem sabe desta vez um milagre acontece...

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados