INDRISO - ASSIM TE INFLAMO

 


ASSIM TE INFLAMO
Marcial Salaverry
 
Se assim me chamas de querido,
venho queimar-me em teu corpo febril,
e deixar-te de amor alucinada...
 
Banhar-te-ei com meus fluidos,
se não quiseres beber-me em teu cálice,
com teu jeito tão atrevido...
 
Despertarei teus desejos adormecidos...
 
Chame-me sempre de teu amor querido...
 
 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados