O FANTASMA DO DESEMPREGO

 


O FANTASMA DO DESEMPREGO

Marcial Salaverry

 

Com toda certeza, o desemprego é um fantasma que sempre ronda os lares de todos aqueles que vivem de seu trabalho.

Já aconteceu comigo, há muitos anos atrás, e quando me vi nessa situação,  pensei que o mundo vinha abaixo, pois tinha uma família para sustentar.  Meus dois filhos eram pequenos. E a menina tinha problemas de saúde.

Como tinha me mudado há pouco de São Paulo para Santos, não tinha referencial algum para encontrar colocação na minha profissão, já que eu era chefe do Depto. de Crédito e Cobranças de um laboratório farmacêutico em Sampa, e precisei mudar por motivo de saúde de minha fiha.

Devido a falta de opções, tive que procurar um caminho alternativo, e a única possibilidade imediata que encontrei, foi começar a trabalhar como vendedor, uma profissão da qual nada sabia, e sequer gostava. Acontece que acabei tendo sucesso nessa "profissão alternativa", que abracei em desespero de causa, e trabalhei mais de 30 anos como vendedor, com muito sucesso.

Isso serve somente para mostrar que, em caso de se ver desempregado, e estar encontrando dificuldades em sua profissão "normal", o que se deve fazer é procurar caminhos alternativos que possibilitem manter a subsistência.

Pode acontecer de, com mais calma, encontrar condições de procurar e encontrar algo dentro de sua especialidade, ou então, acabar adotando uma nova profissão, que foi o que aconteceu comigo.  Veja bem, que disparidade de profissões, de chefe de Crédito e Cobrança, para vendedor.  Antagonismo total e completo.  Versatilidade, força de vontade e disposição para o trabalho.   Eis o grande segredo para se enfrentar o fantasma do desemprego.

 

 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados