SERÁ FATO OU FAKE?

 

Tudo na vida, inclusive ela mesma, pode ter mais de uma versão.
Saber qual a verdade verdadeira, é algo muito subjetivo,
que depende do ponto de vista, ou de interesses envolvidos...
Esta é que é a verdade... Ou não...
Atualmente pergunta-se "FATO OU FAKE?"
Osculos e amplexos,
Marcial

SERÁ FATO OU FAKE?
Marcial Salaverry
 
De tudo aquilo que se lê, ou que se ouve, sempre fica a dúvida se houve uma mentira, ou se pode ser verdade. SERÁ FATO OU FAKE?

Mesmo que sempre sobre a mentira, sobre mentira, pode-se dizer que existem diversas maneiras de se considerar a mentira. Assim, analisando-a à luz da verdade, é exatamente quando ela falta. A verdade, claro. Por vezes, a tendencia é acreditar no fake, e o fato não é considerado...

Mas, considerando que não existe verdade absoluta, o que é verdade para uns, será mentira para outros, e vice versa. Tudo depende de "a quem interessar possa..."

Fala-se que pescadores, vendedores, caçadores, são mentirosos, isso depende de como se for analisar o que eles dizem.  O tamanho do peixe pode não ter sido exatamente aquele, mas é como seu  desejo o viu.  Então, o que será uma mentira para todos, para sua imaginação é verdade, pois ele realmente “viu” aquela manjuba, do tamanho de uma meca, e assim, não se pode considerá-lo um mentiroso, bem, pelo menos sob seu ponto de vista.

Numa discussão sobre um acidente de trânsito.  Quem será o mentiroso?  Talvez aquele que estiver com a realidade dos fatos, mas não tiver testemunhas... Então como se definir a mentira?

Tudo na vida tem diversas interpretações.
 
O juiz de futebol é um ladrão na opinião de um torcedor, ou um gênio na opinião de outro.

Quem será o mentiroso, o promotor que insiste na condenação do réu, apontando-o veementemente como culpado, ou o advogado de defesa que insiste em sua inocência? Com certeza um dos dois arrazoados está eivado de mentiras, e para o Júri, fica a dúvida sobre em quem acreditar... Ambos apresentam “provas irrefutáveis” de seus pontos de vista.  Quem estará mentindo?  E muitas vezes a vida ou o futuro de uma pessoa depende de quem souber “provar” melhor a sua verdade, e que nem sempre será a real verdade.  Quantas vezes vemos criminosos sendo libertados, apenas porque a verdade não conseguiu aparecer, e passou a ser a “mentira” no caso.

Na verdade, a mentira é a ausência da verdade, ou sua omissão pura e simples...

Mas, o subalterno é considerado mentiroso, enquanto que o chefe, apenas interpreta os fatos de outra maneira, e nesse caso, o que é mentira, passa a ser encarado como “outra interpretação”, dependendo de quem a diz.  Isso sim é mentira...

Se formos analisar, todos os grandes problemas, todas as guerras, sempre começaram por causa de uma mentira, que foi apresentada como verdade, e que seria verdade, mas não passava de uma mentira,  sempre dependendo de que lado se está.

Donde se pode deduzir então, é que a GRANDE MENTIRA da vida, na verdade, é a verdade, desde que não possa ser provada devidamente.  E assim ficamos querendo saber o que se pode dizer que é mentira, ou verdade.

Se alguém me disser que durante um dia inteiro não fala nenhuma mentira, vou dizer que é um grande mentiroso. E acabou de dizer mais uma...

A grande verdade do caso, é que a mentira só poderá ser considerada mentira, quando ficar comprovado que a verdade é outra.  E não estou mentindo. Provem-me o contrário... Provem, ou aprovem...

Pode-se dizer que os políticos são eméritos mentirosos. Talvez seja verdade, mas eles dirão que é mentira, porque eles não mentem, apenas apresentam versões diferentes da realidade, que sempre lhes será favorável. Como também os advogados de defesa, que sempre refutam a verdade apresentada pela acusaçao. E o que dizer de Juízes que simplesmente mandam soltar aqueles que deveriam permanecer atrás das grades...

Sempre ficou patenteada a dubiedade dos fatos.  Todas as verdades e todas as mentiras, apresentam e sempre apresentarão uma segunda versão dos fatos.  E estará certa aquele que conseguir uma melhor comprovação da “sua” verdade.

Como julgar quem estará mentindo, aquele que diz ter sido atacado, ou aquele que afirma que jamais atacou?   Tudo dependerá de uma eventual comprovação de fatos, que poderão ser distorcidos por quem souber faze-lo.

A única coisa real e verdadeira, é meu desejo de UM LINDO DIA PARA TODOS... Ou será que não é?

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados