ASSIM PODEMOS ENCONTRAR A FELICIDADE

 

Encontrar a felicidade não é tão complicado
como pode parecer...
Basta saber viver em paz consigo mesmo,
sem deixar-se dominar por certos sentimentos menores...
Se não puder ter tudo aquilo que ama, basta saber amar aquilo que tem...
Osculos e amplexos,
Marcial

ASSIM PODEMOS ENCONTRAR A FELICIDADE
Marcial Salaverry
                
Com toda certeza, encontrar a felicidade é o maior objetivo de qualquer ser vivente. Ocorre que nem todos o conseguem atingir, e muitas vezes, apenas por não saber como faze-lo, pois parece mesmo ser muito difícil encontrar a tão procurada felicidade.

Ocorre que na realidade, não o é, pois na verdade, basta que se saiba observar certas pequenas coisas, para perceber que a felicidade não é algo que se procure, uma vez que ela já está alojada em nosso interior.  É então, simplesmente saber “sentir-se feliz”.  Pergunta-se então, como é possível isso, de “sentir-se feliz?”.  Bem, pode-se dizer que podemos nos sentir felizes, sendo felizes, claro...
 
Para isso, existem pequenas coisas a serem observadas.  Sabendo-se chegar às conclusões certas, como diria L’Inconnu, “voilá... c’est le bonheur...”
 
Bem, podemos começar pelo princípio da coisa.  Atualmente existe uma disputa ferrenha para saber quem é o melhor isto, ou quem é o melhor aquilo, e tal disputa sempre atrapalha o bem viver, já que existe essa ânsia de vencer alguém. E assim, esquecemo-nos de viver nossa vida, sabendo usufruir nossa felicidade interior. Ocorre que, quando as pessoas compreenderem que o mundo não é para ser disputado palmo a palmo, mas sim compartilhado, quando deixarem de lado o desejo de ser "o centro das atenções", talvez entendam que a humildade é privilégio dos grandes, e apenas os medíocres não sabem disso. 
 
Para que essa necessidade de se provar que é melhor do que os outros?  Deixe que os outros julguem se realmente somos bons ou não naquilo que fazemos.  Façamos corretamente nossa parte, sem a preocupação de aparecer como o melhor, evitando pisar nos outros que talvez possam atrapalhar nossa marcha.
 
Devemos nos aperfeiçoar naquilo que fazemos, estudando, procurando melhorar cada vez mais, sem aquela preocupação de superar quem está a nosso lado.  Fazendo nossa parte bem feita, não precisaremos tentar diminuir a capacidade alheia para provar nossa superioridade.
 
Aprendendo a respeitar as pessoas, as plantas e os bichos como obras da mesma natureza que o fez, o indivíduo cresce espiritualmente e melhora tanto como pessoa, que não lhe sobra tempo para criticar outras pessoas.  Para mostrar que é bom, não precisa procurar provar que outros são inferiores.  Basta fazer sua parte bem feita, fazendo o sucesso às custas de sua capacidade, e não graças à incapacidade alheia. Aliás, é nisso que reside o real mérito. Ser bom entre os bons. Se estivermos rodeados de incapazes, que vantagem existe em sermos “o melhor?”. Aliás, já se diz que: "em terra de cegos quem tem um olho é rei...”
 
Nunca devemos deixar de repassar nossos conhecimentos a quem nos procurar. Afinal, o céu nasceu para todos. Aquilo que aprendemos, foi porque alguém nos ensinou, porque então não retribuir, ensinando a outrem? Por que esse orgulho de aparecer como “o melhor”, “o mais importante?” Não podemos nos esquecer de que a soberba faz mal para o próprio indivíduo, pois acaba afastando amizades.
 
Caminhar ao lado de um amigo, sorrir inúmeras vezes por dia, falar sempre de coisas boas, procurar conhecer o lado bom das pessoas, esquecer os erros do passado, cair (mas levantar sempre), sorrir (mesmo diante de uma negativa), irritar-se em certas horas, mas procurar reverter isso imediatamente, repudiar a inveja e a ingratidão são atitudes que tornam nossa vida melhor, porém são extremamente difíceis de seguir.
 
É uma questão de aprendizado, não acontece de forma repentina. Mas saibam que vale a pena tentar.  A vida correrá bem melhor.  Criar-se-á uma aura positiva à sua volta.  É muito melhor cultivar amizades, do que criar inimizades.  Obter êxito por méritos próprios, forçosamente  atrairá admiração alheia.  Mas conseguir sucesso derrubando oponentes, sempre criará uma idéia de represália à nossa volta, não podemos nos esquecer disso.
 
O indivíduo que consegue inserir em sua vida a prática cotidiana de atitudes positivas, não se torna apenas o melhor amigo, o melhor pai, o melhor chefe e a melhor companhia, pois não fará apenas a felicidade dos outros, mas tornar-se-á verdadeiramente feliz. Sua vida não se transformará num fardo a carregar, cada vez mais pesado, sempre acrescido das desgraças vividas. Ela se torna uma caminhada tranquila, inesquecível, gratificante e feliz.
 
A maioria das pessoas procura a felicidade como um fim, não como um caminho. Talvez por isso ela se torne tão inacessível e tão rara.
 
Pensando nisso, preparemo-nos para ter UM LINDO DIA, e para sermos felizes, poderemos repeti-lo em todos os dias que estão por vir em nosso porvir...
 

 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados