A ÁRVORE É O VERDADEIRO SÍMBOLO DA VIDA

 


Como estamos na Primavera, vamos saudar a árvore, que é o verdadeiro símbolo da vida...
Ósculos e amplexos,
Marcial

A ÁRVORE É O VERDADEIRO SIMBOLO DA VIDA
Marcial Salaverry

É uma busca complicada, mas a verdade é que estamos sempre procurando algo que possa ser mostrado como o verdadeiro símbolo da vida. E o que mais é mostrado como sendo esse símbolo, são gravuras representando a força. No passado, um dos símbolos da vida, era Atlas que, segundo a Mitologia Grega, sustentava o mundo às suas costas.

Na realidade, o verdadeiro e único símbolo da vida, é a ÁRVORE, e por isso devemos preservar as florestas, pois podemos dizer que nossa vida depende de sua preservação.  É fácil constatar a veracidade dessa afirmação, vendo como vão ficando áridas as zonas onde o verde não é preservado, onde as matas são devastadas, e com essa devastação, é nossa vida que se vai esvaindo, e isso não é apenas retórica. É fácil entender, seguindo a linha de pensamento que demonstra cabalmente que sempre viveremos melhor, quando estamos próximos às florestas, pois chegamos a senti-las dentro de nós. A seiva que dá vida às árvores, é como o sangue que dá vida a nosso corpo. Elas tem vida, como nós temos. Desde os tempos ancestrais a árvore foi considerada o símbolo da vida.

Na nossa infância, a floresta se fazia presente nos contos e estórias. A mim, particularmente, a floresta africana, com seus imensos animais, Tarzan, Nyoka, Fantasma, e tudo foi algo tão definitivo, que se tornou um sonho a ser perseguido e felizmente, realizado. E foi desse sonho que nasceu a história que relato em "Um Brasileiro na África", em cujo conteúdo pretendo deixar impresso no leitor, que sonhos são feitos para serem realizados. Essa floresta da minha infância era uma floresta gigantesca, mas doce e suave, que me acolhia como uma floresta maternal.

Penetramos na floresta da vida quando somos jovens. Amamos a natureza. É uma floresta alegre e brincalhona. Será nela que plantaremos a semente de nossa existência. É uma floresta paternal, e como devemos cuidar das árvores, devemos cuidar da árvore de nossa vida, procurando bem preservá-la, porque depois de termos percorrido todos os seus atalhos, margeado todos os riachos, mergulhado em todas as suas cachoeiras, chegamos ao final dela. Se cansados estamos, abraçamos uma árvore, recarregando nossas energias, reacendendo nossas esperanças.

Realmente, ao abraçar uma árvore, daquelas antigas, que já viveram alguns séculos, que viram muitas gerações de pessoas se abrigarem à sua sombra, e que foram abraçadas por milhares de pessoas, como que sentimos recarregar nossas energias, pois a árvore generosamente distribui a energia que corre em sua seiva, e, abraçando-a, estaremos recebendo a energia de todos aqueles que já a abraçaram, eis que a árvore democraticamente distribui sua vida para todos aqueles que a amam.

E novamente sonhamos nossos sonhos de infância. Acreditamos na vida, como aquele jovem sonhador que fomos. E nos sentimos parte dela, fraternalmente. E ela, a floresta que é nosso SER, une-se ao Universo, na doação da sombra, da água, da vida...do amor.

Para bem justificar nossa passagem pelo mundo, façamos como as árvores, saibamos doar nossa energia, saibamos distribuir a paz que levamos em nosso interior.

"Sê como o sândalo, que perfuma o machado que o fere", não é apenas figura de retórica, pois seguindo esse exemplo, devemos saber esquecer aquilo e aqueles que tentaram nos magoar, que tentaram nos ferir, e, pelo menos em pensamento, desejar que saibam ter paz.

Vamos então, cuidar melhor de nossa Natureza, de nossas árvores, de nossa vida, fazendo assim, de cada dia, sempre UM LINDO DIA, abraçando quem desejar ser abraçado e sabendo receber os abraços de quem com boas intenções nos abraçar...... 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados