EM BUSCA DO PARAISO INTERIOR

 



Apenas precisamos encontrar nosso Paraíso Interior,
para termos um viver tranquilo...
Vale a pena tentar encontrá-lo...
Osculos e amplexos,
Marcial
 
EM BUSCA DO PARAISO INTERIOR
Marcial Salaverry

Nunca poderá ser consderado tempo perdido, o tempo que utilizarmos para tentar encontrar nosso Paraiso Interior, saber como poderá ser essa Paraiso, e como chegar até ele... Com certeza, existem diversos fatores que podem nos fazer sentir uma certa paz interior, algo que tem o condão de acalmar nosso espírito, levando-nos a certos devaneios, fazendo-nos minimizar ou até mesmo esquecer certos problemas que nos afligem, propiciando-nos assim uma gostosa paz interior.
Através de uma determinada música que nos toque a sensibilidade, poderemos abrir caminho a lugares até então secretos em nosso coração, sentindo algo penetrar em nossa alma, através de nossos poros, encantando-nos e nos levando a deliciosas viagens.
São músicas com as quais mantemos uma espécie de relação anímica, despertando nossas essências verdadeiras. Saímos fora da realidade. Viajamos por horizontes diferentes e distantes.
Algumas vezes poderá ser o amor que nos desperte tais sensações. Ouvindo determinada música, e fechando os olhos, chegamos mesmo a sentir a presença amada a nosso lado. Ouvi-la juntos, será melhor ainda. O mesmo pode ocorrer com algum poema que lemos, ou algo que vemos, como certos locais que nos façam lembrar de lindas passagens em nossa vida.

Sem dúvida é um mistério a ligação que conseguimos fazer entre pessoas  amadas e músicas, locais, poemas,  e até mesmo objetos.
Por exemplo, se tivemos algum momento bem vivido ao lado de alguém que amamos ouvindo determinada música, a cada vez que a ouvirmos, automaticamente nosso paraíso interior será acionado.

O mesmo poderá acontecer lendo um poema, olhando o mar, ou um por do sol, e até mesmo uma forte chuva.
São lembranças que nos conduzem pelas estrelas, fazendo-nos desligar da realidade da vida, da tristeza de uma solidão, ou de maus momentos que eventualmente estivermos atravessando.
É quando sentimos que uma doce saudade pode nos ajudar e melhorar o astral.

Assim, quando nos sentirmos angustiados, ao invés de nos entregar a maus pensamentos, a pensar em atitudes drásticas, devemos saber procurar nosso paraíso interior.

Por pior que seja a situação que estivermos atravessando, poderemos encontrar uma espécie de lenitivo nessa busca, sempre procurando algo que nos faça como que "reviver" bons momentos já vividos.
E a música, ou a poesia, poderá ser um desses fatores. Todos nós tivemos alguma música, algum poema, que marcou um desses bons momentos.
Quando tudo parecer escuro para nós, poderá ser o momento em que que precisaremos reaprender a ver um mundo cheio de luz, a ver que existe alegria, a reencontrar o sol em nossa vida.
Assim, reencontrando a esperança na vida e no amor.
 
"A MUSICA DA VIDA
 Marcial Salaverry

 Músicas lindas,
 trazem lembranças infindas...
 Lenitivo para os que se amam,
que com elas se lembram
 de momentos de felicidade...
 Quando chega aquela doce saudade,
 a música traz à lembrança
 aquela doce esperança
 de nosso amor revermos,
 e novamente a felicidade obtermos...
 Musica para amar,
 musica para lembrar,
de um momento de amor
 que à nossa vida deu muito calor..."

 E com, este poema,  desejo que todos encontrem seu Paraíso Interior, tendo possibilidade de fazer de cada dia, sempre UM LINDO DIA.

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados