O QUE É A SAUDADE

 

Saudade...
É aquele não sei o que,
que insiste em nos fazer lembrar
de algo ou de alguem
que nos fez bem...
Osculos e amplexos,
Marcial

O QUE É A SAUDADE
Marcial Salaverry

Sentir saudade, certamente é a prova mais pura de sentimentos e emoções  quando vivemos um grande amor que se torna inesquecível, porque  transcende o  ontem, o hoje e o amanhã.
Não se conta o tempo, por ser um sentimento atemporal. Sentimos saudade do ontem, do ano passado, de uma outra vida. A saudade mora em nossa alma. Podemos sentir saudade a partir do momento em que uma porta se fecha.
A saudade desse amor vivido com alguém, independe se foram apenas momentos, ou se por toda nossa vida.
Com toda certeza,  essa doce lembrança é como se fosse  uma dádiva preciosa que guardamos  em algum lugar  especial de nossa alma e que nos acompanha pela eternidade.
Fica igualmente a certeza de que, por razões que a nossa própria razão desconhece , nos infinitos futuros,  será possível reviver esse grande amor com a mesma pessoa , pela imortalidade de nossa alma.
Os verdadeiros amores passam diversas vezes até seu resgate definitivo.
Por vezes a saudade grita em nossa alma, mas sempre teremos lindas lembranças, e se assim não fosse, não teriamos saudade, que é um doce sentimento que apenas está presente para relembrar todos os lindos momentos vividos.
Podemos dizer que a saudade é um grito de nossa alma, trazendo à memória o que de bom foi vivido.
UM GRITO DE SAUDADE
Marcial Salaverry

Saudade, minha querida,
sentimos de momentos doces da vida...
Saudade, sempre é a esperança,
que fica em nossa lembrança...
Saudade apenas sentimos
de momentos de amor que vivemos,
de momentos de alegria que passamos
ao lado de quem um dia amamos...
Não se entristeça se saudade sentir,
se algo doce à lembrança lhe vir...
Foi um momento de amor,
que à sua vida deu calor...
Saudade é uma sombra de tristeza,
que nos lembra da beleza
de um prazer sentido,
junto de alguém muito querido...
Saudade, doce recordação
que nos faz bem ao coração...

Assim é a saudade, por vezes morde nossa alma, e por vezes nos acalma. Saibamos senti-la, sem dor, apenas com a alegria do que de bom já foi vivido. Mesmo sabendo que não serão revividos, vamos saber dar o devido valor ao que de bom se passou, podendo assim, desfrutar de UM LINDO DIA.

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados