COMO USAMOS NOSSO LIVRE ARBÍTRIO

 

"Estranhos são os designios do Senhor..."
Na realidade, estranhos são os caminhos
que escolhemos usando de nosso livre arbítrio...
Osculos e amplexos,
Marcial

COMO USAMOS NOSSO LIVRE ARBÍTRIO
Marcial Salaverry

Para analisar como devemos usar nosso livre arbítrio, vamos entender que muitas vezes atribuimos ao Destino certas coisas que nos acontecem, mas temos de convir que são realmente interessantes os rumos que muitas vezes damos à nossa vida, já que chegamos a deixar coisas lindas para trás, e muitas vezes fazemos coisas que seria melhor se não as tivéssemos feito.

Podemos acreditar  que ninguém pode dizer que nunca tomou alguma atitude inconveniente na vida, que nunca magoou ninguém, que nunca prejudicou ninguém. 
E principalmente, que nunca se magoou, ou mesmo se prejudicou por certos atos que não deveria ter praticado, uma vez que muito daquilo que fazemos sem parar para
pensar, sem analisar detidamente, podem redundar em sérios prejuizos.
L'Inconnu nos deixou uma de suas pérolas, que podemos analisar por partes:
"Quando estiver em dificuldade e pensar em desistir, OLHE PARA TRÁS e lembre-se dos obstáculos que já superou."
Bem oportuno, porque muitas vezes, em meio a um projeto, desistimos por algumas dificuldades surgidas,  esquecendo o tanto que já foi feito para termos chegado a esse
ponto, e assim, por piores que sejam as perspectivas, devemos reavaliar, e se for o caso, deixar em suspenso para retomar mais tarde, sempre tentando aproveitar o que já foi investido no projeto.

"Se tropeçar e cair, levante, não fique prostrado, OLHE PARA FRENTE e esqueça o passado."
Com certeza, pois se o projeto não deu certo, e tivermos que voltar à estaca zero, não adianta ficar lamentando os erros cometidos, pois será impossível corrigi-los.
O que nos resta fazer é tratar de não os repetir, e tentar outro caminho, procurando medir as possibilidades com mais cuidado, para evitar uma nova queda.

"Ao sentir-se orgulhoso por alguma realização pessoal, OLHE PARA DENTRO e sonde suas motivações."
Muito sutil, eis que por vezes conseguimos êxitos inúteis, apenas conseguindo chegar onde na verdade, não queríamos. Por conveniência ou comodismo, procuramos um caminho mais fácil, que não nos trouxe o resultado que realmente queríamos. É meio frustrante por vezes, é assim como "chegar a lugar nenhum". E ficamos meio perdidos,
sem saber o que fazer...

"Antes que o egoísmo o domine, enquanto seu coração é sensível, OLHE PARA OS LADOS e socorra os que o cercam."
Essa parte é muito importante, pois muitas vezes deixamos de socorrer a alguém que necessita de nossa ajuda, por estarmos com muita pressa, ou muito ocupados.
Devemos sempre pensar que poderá chegar nossa vez de precisar de algum auxílio, e aí então sentir na própria carne o que é ver negado o socorro pedido.
Nunca podemos nos esquecer de uma coisinha chamada solidariedade. Ela existe, e deve ser observada.

"Na escalada rumo às altas posições, no afã de concretizar seus sonhos, OLHE PARA BAIXO e observe se não está pisando em alguém."
Bem, este é realmente o ponto crucial, e aí é que o carro pega mesmo. Já vi tantas vezes esse filme, quando, para obter uma promoção, uma melhoria salarial, não se hesita em "puxar o tapete" de quem estiver à sua frente. Ou então, pior ainda, para "mostrar serviço" e conseguir ganhar pontos junto aos superiores, aponta-se falhas (nem sempre existentes) de colegas de trabalho.
Infelizmente é inerente do ser humano esse querer subir na vida "custe o que custar, doa a quem doer", dizendo que "o fim justifica os meios".
E nessa caminhada, pisa-se em cima de quem estiver na frente, e que possa atrapalhar sua ambição pessoal. Mas o mundo sempre dá muitas voltas, e quem puxa o tapete hoje, terá o seu puxado amanhã. É a lei da vida...

"Em todos os momentos da vida, seja qual for sua atividade, OLHE PARA CIMA e busque a aprovação de DEUS!"
Esta parte, não há o que comentar, eis que sempre devemos contar com a presença do Amigão a nosso lado, onde Ele sempre estará,  mesmo que não aprove certas atitudes nossas. Sabiamente Ele deixa para que entendamos as lições da vida às custas de nossos próprios erros, pois é errando que se aprende a viver, apenas, não podemos abusar do direito de errar. Tem uma hora que até mesmo a paciência do Amigão se esgota.

Assim sendo, procurando bem usar o livre arbítrio, desejo a todos, hoje e sempre, UM LINDO DIA.

 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados