DOCE DEVANEIO

 

DOCE DEVANEIO
Marcial Salaverry
 
Em meu devaneio,
quero ser o sol que aquece a nuvem,
como o amor aquece nossos corações...
Quero ser o vento que a nuvem empurra,
mesmo que seja por descuido,
trazendo-te para os braços meus...
 

 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados