DIZER QUE É "EM NOME DE DEUS"...COMO PODE?

 

 


DIZER QUE É "EM NOME DE DEUS"... COMO PODE?
Marcial Salaverry
 
Algo que muito se discute, mas que a conclusão alguma se chega, é sobre o fato do bicho gente, estar praticando violencias inomináveis, "em nome de Deus", apenas movidos por um fanatismo inconcebível, e que somente provoca morte e destruição. É um tal de colocar bombas, carros-bomba, homens-bomba, e dizem que o fazem em nome de sua Fé, de "seu Deus"...
Ora, sem entrar no mérito da questão, e resumindo, temos que concordar que é um absurdo falar-se em "Meu" Deus,
pois Deus está em todos os corações que O querem receber. É um absurdo guerrear-se em Seu nome, pois Ele é apenas bondade e paz. Nada tem a ver com guerras, e não deu  procuração para ninguém matar em nome Dele.
Não concordo que é preciso ir em algum templo para prestar-Lhe homenagem. Basta elevar o pensamento, e pensar com Fé verdadeira no coração. Existem locais que são mais propícios para a meditação e para encontrá-Lo, mas até mesmo em um banco de jardim podemos elevar nosso pensamento e conversar com Ele...
Não tem porque "temer a ira divina", pois Ele é paz e amor.
Mas também não discordo de quem pensa diferente, nem tento convencer ninguém que está certo ou errado, como não
aceito que me tentem convencer.
Deus nos deu o livre arbítrio, e é dele que nos devemos valer para direcionar nossa vida.
Respeito o espaço alheio, desde que o meu seja respeitado, e que cada qual viva como melhor lhe apraz, desde
que não comece a levar perigo para outrem...
Mas não é isso que fazem os que desejam impor sua fé ou sua vontade pela força.
E as Guerras, religiosas ou não,  são exatamente isso, representam o desrespeito puro e simples do inalienável Direito à Vida, que todos temos, e que devemos vive-la conforme nosso livre arbítrio, que foi uns dos dons com que Deus nos presenteou, para direcionarmos nosso caminho, e por esse motivo que não aceito os "Reformadores do Mundo", aqueles que querem nos forçar a seguir o seu pensar, a sua maneira de viver.
Converso sempre com quem considero meu Amigão, esteja onde estiver, e não desejo o mal a ninguém.
Portanto, apenas, e sem penas, procuro fazer bem minha parte nesta minha passagem.

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados